Venha viver seu Momento Delicinha na Matrioska Cuques e Bolos Caseiros

 

 

Nossa história começou há mais de 50 anos, com nossos pais Antonio e Ludmila. Ele brasileiro descente de italianos e negros, ela ucraniana refugiada da Segunda Guerra Mundial. Desde a tenra idade a pequena Ludmila para auxiliar no sustento familiar já vendia doces feitos por sua mãe Julya pela Cidade de Curitiba, dentre alguns lugares no Jockey Clube de Curitiba.

Os anos passaram e em 1962 conheceu Antonio - Tuito. Em 1963 um amor avassalador uniu o casal, porém com parcos recursos e com a chegada do primogênito Paulo o sustento estava comprometido. Foi então que o casal resolveu vender cocadas. Entretanto, nem o dinheiro para matéria prima tinham. Emprestaram com o vô Dito, nosso avô paterno, alguns contos de réis. Com esse dinheiro fizeram as primeiras cocadas e saíram vender pela cidade.

O primeiro ponto foi no Passeio Público. A venda foi um sucesso e o casal se animou. E assim passaram a fazer e vender cocadas pela cidade e nunca mais pararam. Tiveram muitos pontos pela cidade, como no Passeio Público, no Jockey Clube, no Aeroporto, no Parque Iguaçu, no Parque Barigui. As cocadas era um sucesso. Até que anos mais tarde a audaciosa e destemida Ludmila após muita insistência e vários “nãos” ela consegue um ponto na feira Livre “A”. Ali começou a vender, além das deliciosas cocadas, produtos à granel como, doces, macarrões, biscoitos, coco fresco. E assim foi por longos anos, de sol à sol, de chuva em chuva, de domingo à domingo o que possibilitava a criação dos três filhos.

 

Em 1986 um fatídico e chuvoso sábado mudou o caminho e o destino de toda a família. O primogênito do casal com 22 anos sofreu o acidente de trabalho, no qual o conduziu a dependência de uma cadeira de rodas e todas as mazelas que essa condição física acarreta trouxeram a necessidade de aumentar a renda familiar. As novas necessidades do filho do casal conduziram a momento de crise emocional e financeira. A emocional Deus sanou, a financeira Deus também proporcionou condições de crescimento. Em uma tarde em nossa cozinha o pai e a mãe começaram a desenvolver a receita do tão famoso amanteigado: casadinho de goiabada. (ainda temos na memória esse dia).

Como uma alquimista mágica a mãe sem nunca ter feito qualquer biscoito começou a misturar ingredientes, e numa tampinha de margarina formatou a espessura dos primeiros amanteigados das nossas vidas. A receita foi um sucesso e a partir dessa receita muitas outras vieram. Ali foi dada a largada para criação da Confeitaria Graciano. E nunca mais pararam, a confeitaria chegou a ter um cardápio com mais de 15 opções de biscoitos. produzíamos biscoitos, bolos caseiros (o mesmo bolo de laranja pão de ló hoje sucesso na loja, receita da vó Dita). A produção foi de vento em popa, além de venda em feira-livres da Cidade, Mercado Municipal. Mas o visionário Graciano, assim era chamado nosso pai, mesmo sendo um “matuto” queria mais e investiu na venda para supermercados, na época supermercados como o Demeterco e o Real. Foi um sucesso também as lindas caixinhas de amanteigados Graciano.

Os anos passaram, muitas e muitas vendas. Mas o destino naquele momento tinha outros planos e os filhos estudaram e seguiram outros rumos. O primogênito que era economista investiu na sua carreira de consultor no Sebrae, as duas filhas investiram na carreira jurídica. Mais uma vez os anos passaram. Porém, ainda guardávamos com carinho no coração toda história de luta e conquistas da Confeitaria Graciano. Ainda estava impregnada na memória toda alegria e felicidade que envolvia toda aquela produção artesanal.

Como por exemplo, a doce lembrança do cheiro da produção de biscoitos, bolos e pães caseiros que ainda inebriava a nossa memória. Foi quando em 2015 em meio a mais uma dolorosa crise familiar a ideia ressurgiu com força total, tanto como forma de renascimento e como homenagem aos nossos pais. Demonstrando que a crise é momento de fortalecimento. Assim, agregando a experiência empírica dos anos de produção, somados aos nossos conhecimento dos bancos universitários, misturados com os talentos de toda a família e temperados com muito o amor, união e principalmente sob a diretriz do nosso único Senhor: Jesus Cristo o projeto é retomado.

 

Eis que em 21 de outubro de 2016 inauguramos a primeira unidade da Matrioska cuques e bolos caseiros. Resgatando o verdadeiro sabor de infância, com produtos caseiros, como aqueles feitos na casa da mãe e da vó, sem conservantes, com produção artesanal e recheados de carinho. Todos nós da família MATRIOSKA estamos imbuídos na a missão de alegrar e adoçar a vida, pois a vida é feita de MOMENTOS DELICINHAS. Por isso, venha viver seu MOMENTO DELICINHA NA MATRIOSKA CUQUES E BOLOS CASEIROS. Porque a FELICIDADE TEM SABOR!


Conheça nossos produtos